Série de esculturas feitas com pedaços de madeira e outros materiais recolhidos durante minhas caminhadas. As peças surgem da observação de caminhões em meus trajetos de carro e sua construção leva em conta as cores, proporções, texturas e outros elementos percebidos durante os deslocamentos. O grupo Balsinhas reúne esculturas que transitam entre a imagem de um caminhão ou um barco. Para além disso, Balsinhas remete ao transporte de cargas fluviais e uma memória de infância, com 10 anos de idade andei de balsa atravessando um rio no interior do estado do Pará junto de caminhões, carros, motos e pessoas. Balsinhas brinca com as escala das cargas, desde pequenos tocos de madeira até um tronco de árvore.