Série de esculturas feitas com pedaços de madeira e outros materiais recolhidos durante minhas caminhadas. As peças surgem da observação de caminhões em meus trajetos de carro e sua construção leva em conta as cores, proporções, texturas e outros elementos percebidos durante os deslocamentos. O grupo “Morreu na contra mão atrapalhando o tráfego” recebe como título um trecho da música Construção de Chico Buarque. Essa família de esculturas faz referência a milhares de veículos desmontados e abandonados na beira das estradas. Tombadas, capotadas, sem as rodas ou muito apoio, as esculturas aqui apresentadas brincam com o equilíbrio precário da matéria e das imagens que observei em rodovias pelo centro-oeste do Brasil.